SEO PARA YOUTUBE: O GUIA DEFINITIVAMENTE COMPLETO

Tempo de leitura: 26 minutos

Alguma vez você já pensou em ganhar dinheiro fazendo SEO para YouTube e fazer disso a sua renda principal, como um emprego normal?

SEO Para Youtube

O YouTube deixou de ser uma ferramenta de puro entretenimento há muitos anos e passou a ser uma das mais poderosas ferramentas para se divulgar qualquer tipo de conteúdo.

Dicas e Sacadas Semanais

Insira o seu endereço de email abaixo para receber gratuitamente as atualizações do blog!>

Claro que temos concorrentes a altura, como o Google Adwords ou o Facebook Ads, mas o objetivo de cada ferramenta é um pouco diferente de um para outro.

É possível ganhar dinheiro com fazendo SEO para YouTube de duas maneiras, basicamente: uma delas é divulgar o conteúdo que você preparou para venda. A outra é a partir dos ganhos com o CPC.

Sim, o YouTube funciona exatamente como um blog! Mas, ao invés de banners, temos anunciantes. O Google Adsense também controla o programa de afiliados do YouTube.

E não estamos falando de pouco dinheiro. São milhões de acessos por dia (quase beirando o bilhão), sendo que os acessos movimentam muito, mas muito dinheiro.

Você conhece o canal Porta dos Fundos? Para você ter uma ideia, o canal rende mensalmente aproximadamente R$632.000!

Claro que isso não se deve somente aos cliques, mas alguns vídeos atingem mais de um milhão de visualizações em apenas um dia. E isso pode sim gerar muito dinheiro.

O sistema funciona de uma maneira simples: você praticamente vende um espaço publicitário em seus vídeos, assim como é feito dentro de um blog.

O interesse é seu, do YouTube / Google e do anunciante. Seu maior interesse em vender um espaço é ganhar dinheiro, enquanto o YouTube também retém a sua parcela.

Já o anunciante espalha seu nome para o mundo inteiro em questão de minutos. É o tempo que leva para um vídeo postado aqui no Brasil aparecer na China, por exemplo.

Mas é bom deixar claro de antemão que ganhar dinheiro fazendo SEO para YouTube não é a tarefa mais fácil do mundo, dá trabalho e é preciso investir em alguns setores obrigatoriamente.

Um deles é o SEO, mais especificamente o SEO para YouTube, assunto que abordaremos hoje neste artigo.

Assim como em um texto para um blog ou para uma página de um site, os vídeos também exigem um bom SEO para ficarem bem ranqueados nas ferramentas de busca.

Exemplos são o Google, Bing ou Yahoo. Portanto, acompanhe conosco e aprenda tudo que é preciso para ranquear bem os seus vídeos! Aprenda hoje a fazer SEO para YouTube de modo definitivo!

Fique por dentro

Insira aqui o seu endereço de email e fique por dentro das atualizações do blog>

 

O que é preciso para investir em um canal?

seo para youtube - investir no seu canal

Em primeiro lugar, é bom ressaltar que o contrato do Adsense é um daqueles que não pode ser deixado de lado. Preste muita atenção em todas as cláusulas antes de focar propriamente no SEO para YouTube.

Para que você tenha uma ideia do que estamos falando, você precisa até mesmo mostrar que o programa utilizado para editar seus vídeos não possui qualquer direito autoral.

Se você usar uma trilha no fundo que contenha direitos autorais estará arriscado a perder a sua conta. Por isso, preste muita atenção no contrato antes de começar o seu próprio canal!

Iniciar um canal demanda certo investimento em alguns equipamentos. Mesmo que você não tenha dinheiro para comprar um equipamento de ponta, um mínimo será necessário no início!

As três primeiras coisas em que você deve investir são uma câmera de qualidade, iluminação apropriada e um amplificador de som de qualidade.

Existem equipamentos que não custam muito caro e são semi profissionais, suficientes para já fazer um ótimo trabalho no início.

Você poderá até mesmo encontrar dicas em outros canais que ensinam como ganhar dinheiro fazendo SEO para YouTube utilizando equipamentos mais comuns ou até mesmo otimizando um espaço para gravar os vídeos.

Você não precisará investir em um espaço físico como um estúdio, caso tenha algum lugar dentro da sua própria casa para gravar. Alguns truques de câmera podem ser utilizados para que o ambiente pareça bem maior do que realmente é.

Outro investimento que você pode ou talvez precise fazer em determinado momento é no tráfego pago. Tráfego orgânico não pode ser dissociado do pago, e ambos se complementam.

Investir em uma ferramenta como o Adwords ou o Facebook Ads poderá elevar a sua posição temporariamente, enquanto trabalha as técnicas de SEO para YouTube em seu canal de vídeos.

É interessante também que você mesmo faça a propaganda dos seus vídeos em seus próprios vídeos!

Use o espaço de alguns vídeos para evidenciar os mais importantes ou mais vistos dentro do seu canal, levando o espectador diretamente para onde você quiser, fazendo com que você prenda seu público em seu canal.

 

Vai criar o seu canal? Atente às regras antes de fazer SEO para YouTube

seo para youtube - atente as regras

Criar um vídeo com 100% de autoria não é muito simples, e muitas vezes você pode acabar deixando um detalhe passar despercebido.

Nem estamos falando sobre o conteúdo em si, mas sobre os mínimos detalhes. Se você usar uma trilha que não é sua, por exemplo, estará arriscando ser banido do Google Adsense.

Isso não quer dizer que você não possa apontar absolutamente nada que não seja de sua autoria. Se você mostrar uma figura do Super Mario, não estará necessariamente violando os direitos da Nintendo.

Por outro lado, você não pode citar uma música. Mesmo se você estiver cantando, seu vídeo não poderá mais ser monetizado. Não só não poderá ser monetizado como poderá ser excluído da plataforma.

Outro cuidado a se tomar é com os cliques nos anúncios. Jamais cometa o erro de pedir para os usuários clicarem nos banners dos vídeos.

Isso pode resultar em uma grave punição ao seu canal, assim como você mesmo ficar clicando nos anúncios de seu computador.

O Google consegue até mesmo detectar se são pessoas próximas a você que estão acessando o canal para ajudar você a ganhar dinheiro com o YouTube. Não se exponha dessa maneira, não vale o risco perder a conta. E, uma vez que ela é banida, você nunca mais poderá criar uma com os seus dados pessoais.

Alguns usuários tentam o artifício da atualização da página, fazendo isso com uma frequência muito maior do que a necessária, somente para que a página fique mais vistosa e atraia um número maior de usuários. Isso também pode acarretar em punição!

O Google passa 24 horas por dia de olho em quem tenta de algum modo passar a plataforma para trás. E acredite, o sistema é muito mais inteligente do que você pode imaginar.

Portanto, não tente nenhum esquema para ganhar dinheiro com o YouTube, simplesmente trabalhe normalmente, invista no que for necessário e faça um trabalho pesado de SEO para YouTube para aumentar o seu tráfego orgânico.

Antes de aceitar o contrato do Adsense no YouTube, certifique-se de que está de acordo com as políticas internas e de que seus vídeos serão 100% livres de direitos autorais.

Está gostando desse artigo? Então não deixe de cadastrar seu email aqui embaixo para não perder nenhuma atualização de conteúdo

Fique por dentro

Insira aqui o seu endereço de email e fique por dentro das atualizações do blog>

Utilizando o SEO para YouTube em sua página

image4

Finalmente, chegamos ao mais esperado! A utilização do SEO para YouTube em seu canal de vídeos!

Aplicar as técnicas que serão citadas não é difícil, mas talvez um pouco trabalhoso, já que você precisará sempre estar fazendo um jogo de equilíbrio entre as palavras. Como assim? Já iremos explicar!

O SEO para YouTube é composto por várias técnicas, mas abordaremos aqui algumas das principais para um canal de vídeos, que serão:

  • Palavras-chave;
  • Tags;
  • Meta descrição;
  • Criação de links externos;
  1. Tags

As tags são necessárias tanto em imagens e páginas do WordPress quanto para os seus vídeos.

São marcações que você utilizará com o intuito de atrair um maior número de visitas. Você pode usar, por exemplo, tags semelhantes às palavras-chave que estiver usando.

Assim, terá uma fonte a mais de busca para o seu conteúdo. Uma estratégia que você poderá utilizar é a de visualizar as tags usadas em vídeos com números muito altos de visualizações e utilizar nos seus também.

Claro que você também poderá utilizar o AdWords para descobrir os termos, mas procurando direto nos vídeos terá uma prova real de que as buscas realmente serão grandes, em teoria. Muito do SEO para YouTube você obterá pesquisando no que já existe na rede.

  1. Meta descrição

Nem todos se lembram de criar uma descrição correta para os vídeos. Se você quiser ganhar dinheiro fazendo SEO para YouTube, não se esqueça de criar uma boa descrição, que de preferência leve as palavras-chave que estiver utilizando.

Ela é muito importante para subir no posicionamento, já que é um dos algoritmos utilizados pelo Google. Se você conseguir incluir um link na descrição, pode ganhar mais pontos ainda, além de facilitar a acessibilidade ao usuário.

A questão dos links é muito importante, mesmo quando a geração é On Page. Isso mostra para o Google a relevância de certos links que você queira subir no posicionamento.

  1. Palavras-chave

As palavras-chave, apesar de não serem o algoritmo mais importante, ainda têm sua relevância. Não servem apenas para blogs, mas também para fazer SEO para YouTube.

Elas devem ser utilizadas tanto na meta descrição quanto no título do vídeo. A propósito, otimizar o título do vídeo também é importante.

Mas tome cuidado com a quantidade que irá usar. Em textos de aproximadamente 100 palavras, o ideal é que você utilize uma, no máximo duas vezes a sua palavra.

Como as descrições geralmente serão pequenas, utilize no máximo duas vezes na meta descrição, e no título.

 

Otimizando o seu vídeo antes de subir para o canal

image5

Seu vídeo já está pronto para subir para o canal? Ótimo, então agora é hora de fazer algumas otimizações antes de fazer o upload.

Para facilitar o seu trabalho, clique com o botão direito no seu vídeo na área d trabalho, e em seguida clique em detalhe. A partir dali, você poderá fazer as modificações necessárias.

A primeira delas é o título. Ao selecionar essa opção, cole o título do seu vídeo já otimizado e com a palavra-chave que você escolheu! Na seção legendas, você pode colar o mesmo nome dado ao título.

Abaixo, você verá uma caixa chamada marca. É ali onde você deverá copiar as tags criadas para o seu vídeo. Não se esqueça de que as tags devem ser separadas com ponto e vírgula umas das outras.

Abaixo, você encontrará a opção comentários. Ali você deverá inserir a sua metatag. Lembre-se que deve conter no máximo 156 caracteres e obrigatoriamente a sua palavra-chave.

A partir desse momento, seu vídeo já estará pronto para subir para o canal! Ao fazer o upload, você encontrará duas opções abaixo. Uma para inserir uma descrição, e outra para inserir marcas.

No box de descrição, copie a descrição já criada com a palavra-chave. Não se esqueça de não exagerar na densidade.

Aproveite também e faça o link building. Coloque links de redirecionamento para o seu blog e para as páginas profissionais em redes sociais.

E na caixa marcas, você deverá inserir as tags que escolheu!

Agora, uma dica de ouro para você. Ao criar as suas tags, crie um código somente seu.

Ele pode ser composto de várias letras e números e não precisa necessariamente fazer sentido.

Por exemplo: aguh7864isfh098

Ao criar uma tag única, insira todas elas na caixa de marcas. Por que fazer isso?

Quando você insere uma tag única nos seus vídeos, o YouTube reconhece automaticamente que elas pertencem a você.

Ou seja, quando uma pessoa estiver assistindo o seu vídeo, ao final dele um vídeo do seu canal começará a rodar para ela! Isso funciona de maneira automática, contanto que você use as mesmas tags em todos os vídeos.

Planejando a sua palavra-chave

image6

Uma palavra-chave não deve ser escolhida ao acaso. É para isso que existem ferramentas como o planejador de palavras-chave do Google.

Ao acessar a ferramenta com os seus dados do Gmail, você encontrará uma opção para inserir a palavra-chave, frase ou termo que desejar.

Em seguida, uma nova página abrirá, contendo o seguinte gráfico como demonstrado abaixo:

image7

Você obterá resultados e dados importantes, como a média de busca mensal da palavra-chave, a concorrência e o CPC.

A média mensal indica o número de vezes que uma palavra-chave é procurada no Google.

Já o CPC significa o custo por clique de cada palavra. Ou seja, ao criar uma campanha no Google Adwords, o CPC irá definir quanto você irá gastar de acordo com o número de clientes que clicar em seu anúncio.

Isso não significa que usando as palavras-chave na otimização de seus vídeos você teria qualquer gasto do tipo.

Um dos dados mais importantes é a concorrência de uma palavra-chave. Você encontrará ali nas opções o nível de concorrência: alto, médio ou baixo.

Se a concorrência for alta, definitivamente não será uma boa ideia utilizar o termo em questão na otimização dos seus vídeos.

Sobretudo se você estiver começando o seu canal. Utilizar essas palavras seria como bater de frente com os maiores canais.

Fazendo uma alegoria, seria como construir um mini mercado em frente ao Carrefour!

Optando por palavras-chave de maior concorrência, seria interessante optar pelas palavras de cauda longa.

As palavras de cauda longa compõe geralmente um total de 70% de todas as palavras-chave que compreendem um nicho.

Isso significa que apenas 30% estão sendo utilizadas nos maiores canais!

Utilizar as palavras que estão inseridas no outro grupo seria uma ideia interessante. Isso porque a probabilidade de o seu canal ganhar mais relevância seria maior.

Ainda assim, não é indicado buscar pelas palavras de maior concorrência. Pelo menos, não enquanto você ainda está iniciando!

Está gostando desse artigo? Então não deixe de cadastrar seu email aqui embaixo para não perder nenhuma atualização de conteúdo

Fique por dentro

Insira aqui o seu endereço de email e fique por dentro das atualizações do blog>

Geração de links externos

image8

Essa é uma das características mais importantes que você deve cuidar. A inserção de linkbuildings internos e externos ao fazer SEO para YouTube.

Esse com certeza é um dos mais importantes e relevantes algoritmos do Google. Use sempre links relacionados ao seu assunto, e sempre que possível divulgar links externos em blogs parceiros.

Isso é importante também para que futuramente seus links sejam compartilhados em redes sociais.

Um link divulgado no Facebook tem poder para chegar a milhares de pessoas em questão de minutos! Além disso, seu canal ganha muito mais relevância dependendo da quantidade de sites que estejam apontando para o seu canal.

Lembre-se sempre de lembrar o usuário ao final do vídeo para deixar a curtida no vídeo, caso ele tenha gostado. Isso também conta como critério para o YouTube aumentar a posição do seu vídeo.

Assim como um link deve ser integrado em um texto de um blog, um vídeo também pode e deve ser integrado nesse conteúdo. Existem códigos no próprio YouTube que você pode utilizar para fazer essa integração.

Ela é importante, porque é mais um meio para que seu vídeo fique mais vistoso para as pessoas, tendo assim mais chances de que ele seja visto por um número maior de pessoas.

Existe mais de um caminho para otimizar o seu canal de vídeos ao fazer SEO para YouTube.

Ele pode ser feito através do tráfego orgânico em uma página profissional do Facebook no na própria plataforma. O ideal é que você comece os ajustes pela plataforma.

Existe um motivo para isso. Através dos relatórios gerados pelo Google Analytics, você poderá ter certeza dos dados fornecidos para que a partir deles possa criar uma estratégia eficaz de divulgação Off Page.

 

Por que é importante transcrever um vídeo?

image9

Transcrever um áudio é outra maneira de ganhar dinheiro fazendo SEO para YouTube a partir da otimização. O processo consiste em pegar um vídeo e escrever todo o seu conteúdo.

Mas por qual motivo seria interessante fazer isso?

Em primeiro lugar, porque atrai um número maior de pessoas. O Google detecta o conteúdo dos sites a partir da decodificação das técnicas que você utilizar de SEO.

Ele não detecta nenhum conteúdo vindo de um áudio. Por isso, ao transcrever um texto é importante que você não se esqueça das principais técnicas de SEO para YouTube que já conhece.

Outro benefício de se transcrever um texto é que ele pode ser utilizado no seu blog, em uma página profissional, nas redes sociais, e parte dele até mesmo na descrição do seu vídeo. Fazendo SEO para YouTube, você também aproveita para outros negócios.

Além disso, a descrição transcrita pode ainda conter o link do seu vídeo, que deve ser divulgado em sites parceiros para que a sua posição suba ainda mais.

Lembre-se que quanto mais sites apontando para o seu link, mais links divulgados e mais conteúdo apontando para o seu próprio link, maiores serão as chances de você se posicionar muito bem no Google.

Pense também nas pessoas que terão acesso ao seu conteúdo. Ou elas podem ter uma conexão muito lenta e não conseguirem acessar o seu vídeo, ou simplesmente não podem ouvir um áudio por estarem no meio de uma aula ou no trabalho. Nesse caso, um texto transcrito seria ideal para que elas pudessem ir acompanhando o seu trabalho.

Ainda pensado nos seus leitores, muitas pessoas podem ter problemas de audição e passarem batido pela sua página, caso você só ofereça vídeos como demonstrativo do seu trabalho.

Sem contar que em um texto você pode utilizar técnicas que destacam os pontos mais importantes. Assim, a pessoa pode ir direto para onde ela quer, sem necessariamente precisar ouvir todo o áudio até descobrir a informação que ela queria.

Você pode estar pensando: “nossa, mas isso iria dar um trabalho muito grande!”. Se você não usar uma ferramenta de apoio, com certeza terá um grande trabalho pela frente. Principalmente quanto falamos em SEO para YouTube.

Existem ferramentas feitas para isso, que ao toque de uma tecla pausam ou dão play no áudio. Assim, você pode manter a tela onde está escrevendo sempre aberta, sem precisar ficar clicando em para pausar a cada dois segundos. Isso pode economizar um bom tempo para você!

 

Construa um sitemap para seu canal!

image10

Nem sempre os resultados aparecem como esperamos. Um texto nem sempre é indexado pelo Google, mesmo usando técnicas de SEO.

A ferramenta de busca possui mais de 200 algoritmos para definir a posição de um site. Utilizar algumas técnicas de SEO para YouTube não garante isso.

Mas, se você quiser utilizar mais uma maneira de criar um sistema que alerte o Google de que seu conteúdo está ali, seria interessante criar um sitemap para o seu vídeo.

O sitemap funciona como um mapa para o Google, indicando onde está o seu conteúdo. Para tanto, você precisa construir uma URL amigável e que contenha todos os dados necessários para isso.

Por exemplo, ela deve conter o título já com a palavra-chave, a descrição (também com o uso da palavra), onde o vídeo se localiza e as duas URL’s necessárias (reprodução e miniatura).

O ideal é que o seu sitemap seja criado com comandos para os links para um site que contenha no máximo 50.000 vídeos.

A não ser que o seu canal tenha esse número de vídeos, não será necessário enviar diferentes sitemaps.

E, mais uma vez, o WordPress se mostra uma ferramenta versátil e muito necessária para diferentes tipos de trabalho. Existe uma ferramenta dentro da plataforma que cria os sitemaps de modo automático.

Para isso, é necessário instalar o Google XML Sitemap for Videos. Após a instalação, você pode começar a criar o seu.

O recomendado é que você construa isso para cada vídeo do seu canal. Seria de extrema dificuldade criar manualmente para centenas de vídeos. Por isso, recomendamos fortemente que você instale a ferramenta do Google.

Após a criação do seu sitemap, envie-o para o Google Webmaster Tools. Após algumas horas, você poderá conferir se o seu sitemap contém qualquer tipo de erro, que poderá ser facilmente corrigido após a análise.

Reforçando que um sitemap pode ser construído para até 50.000 vídeos, e apenas será necessário criar outro se o número de vídeos exceder essa quantidade.

 

Legende os seus vídeos!

image11

A cada dia, milhares de vídeos são enviados ao YouTube, vídeos de todas as categorias possíveis que você pode imaginar: trabalho, educação, entretenimento, música, teatro, cinema, comédia, trailers, etc.

Por isso, legendar um vídeo também é uma maneira de ganhar dinheiro com o SEO para YouTube indiretamente, já que estará recebendo um número maior de visitantes, em teoria.

Legendar um vídeo dá trabalho, principalmente se o seu vídeo for muito extenso. É comum que vídeos de apresentação de afiliados tenham, por exemplo, uma hora de duração.

Legendar isso dá muito trabalho. Por isso, o ideal é que você deixe essa tarefa com um profissional, que certamente terá preparo suficiente para legendar diversos conteúdos.

Pode parecer uma tarefa simples, mas alguns detalhes passam despercebidos por quem não é do ramo.

Por exemplo: você sabia que a cada 2 segundos de vídeo deve utilizar no máximo 26 caracteres? Se você exceder esse número, as pessoas provavelmente não irão conseguir tempo de ler tudo o que está escrito ali.

Além disso, você também precisará de alguém que transcreva o áudio do seu vídeo. Você já imaginou o tempo que precisaria para transcrever 10 vídeos com pelo menos uma hora cada?

Os profissionais utilizarão ferramentas que poderão otimizar o tempo, sem contar que já são treinados para que nenhum detalhe escape.

E isso considerando ainda que seus vídeos estejam em português. Se estiverem em outro idioma, o profissional treinado será capaz de interpretar gírias e expressões que talvez você não consiga detectar se trabalhar por conta própria.

Há dois detalhes que precisam de um cuidado extra: a cor e a posição em que as legendas ficarão no vídeo.

Às vezes, dependendo das cores do seu vídeo, uma legenda branca pode não entrar em contraste com o fundo e sumir. Muitos vídeos contêm esse erro: fundo branco com legenda branca. Se o áudio não estiver decente, se tornará uma tarefa difícil entender o que está escrito.

Outra técnica, que pode parecer um detalhe, mas não é. As caixas de texto do vídeo devem sempre estar centralizadas na parte de baixo, enquanto os créditos devem ser centralizados em cima. Não cometa o erro de inverter os dois!

Isso sem contar que, caso seu vídeo não esteja em português, poderá atrair um público muito maior. Se estiver em inglês, por exemplo, seu público pode abranger praticamente o mundo inteiro.

Se estiver em alemão, tanto a Alemanha quanto o Brasil poderão acompanhar seu canal. Isso abre novas possibilidades para que você expanda seus negócios, ou dê a oportunidade de outras pessoas expandirem através do conteúdo que você está divulgando.

Sintetizando essa última parte, criar uma legenda para seus vídeos significa atrair mais pessoas, ganhar dinheiro no YouTube e fazer seu nome ficar mais conhecido no mundo digital!

Está gostando desse artigo? Então não deixe de cadastrar seu email aqui embaixo para não perder nenhuma atualização de conteúdo

Fique por dentro

Insira aqui o seu endereço de email e fique por dentro das atualizações do blog>

Considerações finais: algumas dicas para você que está iniciando o seu canal

image12

  1. Crie um título chamativo

Não somente para o seu canal, mas também para os seus vídeos. Crie um nome que sintetize o conteúdo que você irá oferecer no seu canal. E evite criar títulos muito grandes para os vídeos. Isso pode fazer com que as pessoas percam o interesse!

  1. Use imagens apropriadas

Use imagens que chamem bem a atenção das pessoas para o seu vídeo! Coloque imagens de acordo com o que o seu vídeo oferece para as pessoas. Evite utilizar imagens discrepantes!

  1. Invista em equipamentos

Mesmo que você não tenha muito dinheiro no início, dê uma pesquisada nos próprios canais do YouTube, onde muitos vlogueiros profissionais dão dicas sobre equipamentos de excelente qualidade a um preço bem acessível.

Confira mais de uma vez o áudio do seu vídeo antes de fazer um upload. Apenas utilizar uma câmera não basta. Você necessariamente precisará de um microfone.

  1. Use o call to action

Sabe aqueles botões call to action que ficam ao final de um texto em um blog, induzindo o leitor a interagir com a página?

Faça a mesma coisa com os vídeos. Interaja com as pessoas, pedindo para que elas curtam ou compartilhem seu vídeo em redes sociais. É mais uma técnica de SEO para YouTube.

Quanto mais curtidas e compartilhamentos, mais relevância seu canal ganha. Mas não abuse disso! Ninguém gosta de alguém apelando para receber mais inscritos ou curtidos a qualquer custo. Analogamente, seria como virar um spammer no seu canal!

  1. Explique o conteúdo no início

Utilize os primeiros segundos do seu vídeo para explicar para os espectadores que tipo de conteúdo elas encontrarão. Muita gente deixa isso para o final, mas é um erro fazer isso. Ao fazer logo no início, você atrai a atenção das pessoas, muitas vezes segurando um público bem maior até o final do vídeo.

  1. Seja regrado

Se você prometeu um vídeo para todas as terças e quintas, então esteja com eles prontos todas as terças e quintas.

Se você prometer para um dia e não fizer a postagem, pode começar a perder inscritos, e isso é a última coisa que você quer.

  1. Atente ao que os usuários estão dizendo

Deixe de lado todas as besteiras que muita gente irá postar nos comentários. Fique atento às críticas, tanto positivas quanto negativas. A partir delas você poderá começar a fazer melhorias no seu canal de acordo com o que o seu público espera receber.

  1. Não desista na primeira

Dificilmente você começará a ganhar dinheiro no YouTube logo de cara. Seu canal não fará o sucesso de um “Porta dos Fundos” da vida da noite para o dia.

Fazer um canal dá trabalho e pode demorar para dar retorno, mas é uma das melhores ferramentas de divulgação. Seja persistente, não desista logo nas primeiras semanas porque não ganhou a audiência esperada.

Se necessário, experimente contratar uma agência de marketing digital para fazer um trabalho de SEO para YouTube On Page e Off page para o seu canal!

Com esse artigo, esperamos que você tenha ganhado conhecimento suficiente para aumentar as chances de gerar muito mais tráfego orgânico para o seu canal. Boa sorte!

Quer saber mais sobre como você posicionar seus vídeos no youtube.

CTA ANIMADO

Clique Aqui !

 

 

 

 

 Um grande abraço, e até o próximo post.

 

 

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *